Inteligência Artificial e blockchain em defesa do intelecto para identificar plágio

Um trabalho acadêmico, a exemplo da monografia ou do artigo científico, exige o exercício da autoria por parte do pesquisador ou aluno. A autoria compreende o diálogo com estudiosos num determinado assunto e com a realidade.

O plágio compreende a apropriação indevida de uma idéia, representando um equívoco de dimensão ética. Já imaginou você dedicar tempo de estudo para desenvolver um pensamento ou produto qualquer, vir outra pessoa e assumir a autoria de sua criação? Qual seria o seu sentimento?

Por que o mundo está tão preocupados com o plágio?

Para entender o plágio, partimos de um princípio que todo conhecimento é construído a partir do conhecimento prévio. Enquanto lemos, estudamos, realizamos experimentos e reunimos perspectivas, estamos nos baseando nas ideias de outras pessoas.

Com base em suas ideias e experiências, criamos nossas próprias ideias. Quando você coloca suas ideias no papel, è uma sensação impressionante e incrível, nunca tive aptidão para escrever, mais após entrar no curso de direito, acabei descobrindo um novo mundo de idéias próprias e não emprestadas de outras pessoas.

O que mudou com a implementação de novas tecnologias como a inteligência artificial e blockchain para identificar o plágio ?

No Departamento de Ciência da Computação da Universidade de Copenhague, na Dinamarca, esforços para detectar fraudes em provas acadêmicas estão em andamento há alguns anos. Agora, com base em análises de 130 mil exames escritos, pesquisadores criaram um programa que utiliza a Inteligência Artificial contra o plágio. Eles conseguiram, com quase 90% de precisão, detectar se um aluno escreveu uma tarefa por conta própria ou se foi copiada de outro lugar. 

As instituições de ensino dinamarquesas usam uma plataforma chamada de Lectio, para verificar se um estudante entregou trabalhos plagiados. Mas colégios de Ensino Médio têm dificuldades em descobrir outros tipos de fraudes cometidas. Já foram registrados, por exemplo, casos de compra e venda de redações em sites de classificados para que alunos fraudassem o SRP, uma prova que é obrigatória para a conclusão dos estudos. 

Outra ferramenta é o Urkund, é um sistema de controle de plágio para universidades e instituições de ensino superior. Com ele, os alunos participam ativamente do processo de submissão, o que aumenta a conscientização de que todos os documentos enviados serão verificados.

Isso cria um forte efeito preventivo e psicológico, bem como um ambiente acadêmico mais igualitário, com maior equidade, onde o trabalho de todos é tratado da mesma forma.

Essa é uma discussão que ainda vai longe, mais através da implantação de tecnologias como a inteligência artificial e do blockchain essas discussões, que serão inestimáveis no futuro, tornará o plágio uma coisa do passado.

Qual è sua opinião sobre o assunto !!

Be authentic and keep going

Antônio Araújo Júnior

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s